sábado, 23 de abril de 2016

[Novidade] - Quetzal: "As Primeiras Coisas" de Bruno Vieira Amaral

As Primeiras Coisas
Bruno Vieira Amaral

Bruno Vieira Amaral foi escolhido como uma das dez novas vozes da literatura europeia (New Voices From Europe), uma iniciativa da Literature Across Frontiers, programa que conta com o apoio da União Europeia.

O anúncio foi feito ao princípio desta tarde na Feira do Livro de Londres e a lista, além do escritor português, inclui outros nove autores — poetas, romancistas, dramaturgos e jornalistas — de países como a Espanha, Malta, Turquia, Reino Unido, Hungria, Noruega e Macedónia.

Nos próximos doze meses o trabalho destes autores será promovido numa série de eventos por toda a Europa e será também publicada uma antologia com textos dos escritores.
Para a directora do New Voices, Alexandra Büchler, esta escolha visa dar aos escritores oportunidades de divulgação que de outra forma não teriam.

Com As Primeiras Coisas, o seu primeiro romance, publicado pela Quetzal, Bruno Vieira Amaral conseguiu a rara proeza de arrecadar quatro importantes prémios da literatura portuguesa: Livro do Ano 2013 da revista TimeOut, o Prémio Fernando Namora 2013, o Prémio PEN Narrativa 2013 — e, em 2015, o Prémio José Saramago.

Sobre o Autor:
Bruno Vieira Amaral nasceu em 1978 e licenciou-se em História Moderna e Contemporânea pelo ISCTE. Em 2002, uma temerária incursão pela poesia valeu-lhe ser selecionado para a Mostra Nacional de Jovens Criadores. Colaborou no DN Jovem, revista Atlântico e jornal i. É crítico literário, tradutor e autor do Guia Para 50 Personagens da Ficção Portuguesa e do blogue Circo da Lama. É editor-adjunto da revista LER e prepara o seu novo romance.

[Novidade] - Guerra & Paz: Abril

O Quotidiano a Secar em Verso
Eugénia de Vasconcelos

Sinopse
Uma casa, um lugar: o coração,
o tempo onde, afinal, existíssemos
fora deste problema da habitação.
É nómada a tua língua e a minha,
dizemos palavras sem morada,
desmontando a cada dia as tendas
e a poesia sem retorno e sem adeus.
Não posso chegar nem a ti nem a Ele,
nem deixar de caminhar para ti e até Ele.
Vivo, amo e digo como quem reza,
entre isto e a morte inscrevo o vazio da fé, nele levanto uma casa, um lugar: o coração.

Biografia da autora:
Eugénia de Vasconcellos. Nasceu em 1967, em Faro. Espera não morrer, jamais, ainda que as evidências dêem a morte por inevitável. É poeta. E entre um poema e outro cabem as crónicas, o ensaio, os contos e o romance. 
Se tivesse de escolher um poeta, hoje, escolhia três: Camões, Whitman, Herberto Helder. É a poesia quem abre a porta ao futuro. É por isso que a morte não lhe morde os calcanhares.


Direito de Autor

Sinopse:
Assiste-se nos últimos anos a um aumento brutal da pirataria online, a par da destruição de empregos nas indústrias criativas e da comunicação social, enquanto os trabalhadores culturais se vêem impedidos de cobrarem a remuneração pelas suas criações a que legitimamente têm direito. Ao mesmo tempo, a justiça tarda em responder e a legislação vigente torna-se obsoleta em relação às inovações cibernéticas, que surgem a um ritmo estonteante. Vive-se um momento de mudança de paradigma, com as suas vítimas e vencedores, que importa estudar e compreender, para assim se poder agir e minimizar os seus efeitos perversos. O direito de autor assume, assim, uma particular relevância neste contexto.

Qual a relação entre estas realidades? Qual o futuro da arte e da cultura? Qual é o papel da justiça e como deve agir? Neste volume, recolhem-se ensaios de juristas, advogados, magistrados e figuras das indústrias culturais, procurando responder a estas questões.

Autores: 
Alexandre Dias Pereira 
Carlos Miguel Madureira 
Filipa Iglésias 
Francisco Pinto Balsemão 
João Palmeiro 
Leonor Chastre 
Manuel Lopes Rocha 
Maria Vitória Rocha 
Nuno Gonçalves 
Patrícia Akester 
Pedro Velasco Martins 
Pedro Verdelho 
Vanda Guerra 
Vitor Castro Rosa 
Manuel Oehen Mendes


Doze Segredos da Língua Portuguesa
Marco Neves

Sinopse:
Um livro essencial para quem se preocupa com o português e, ao mesmo tempo, não quer ficar preso a mitos e ideias-feitas sobre a nossa língua. 
Sabia que andam a circular por aí erros que não são erros? 
Sabia que as crianças precisam de muitas palavras para crescer bem? 
Sabia que há uma relação entre o acordo ortográfico e a guerra na Ucrânia? 
Sabia que a palavra «saudade» não é impossível de traduzir? 
Sabia que todos os portugueses têm sotaque? 
Sabia que o português e o galego estão tão próximos que, às vezes, se confundem? 
Sabia que os palavrões fazem bem (mas não convém abusar)?

Num estilo claro e bem-disposto, o autor desmonta mitos e revela segredos da língua, com algumas histórias curiosas à mistura — e sem esquecer uma ou outra dica para escrever cada vez melhor. 

Sobre o autor:
Marco Neves. Tem sete ofícios, todos virados para as línguas: tradutor, revisor, professor, leitor, conversador e, agora, autor. Não são sete? Falta este: há três anos que é também pai, com o ofício de contar histórias. Para lá das profissões, os amigos sempre lhe reconheceram a pancada das línguas. 
Nasceu em Peniche e vive em Lisboa. Tem licenciatura em línguas (quem diria?) e mestrado na área da literatura. É director do escritório de Lisboa da empresa de tradução Eurologos e docente de várias disciplinas de prática da tradução na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. 
Escreve no blogue Certas Palavras (www.certaspalavras.net), sobre línguas, livros e outras manias.


O Pequeno Livro Vermelho
Mao Tsé-tung

Sinopse:
Este livro andou nas mãos de milhões de seres humanos: da China à Europa, de acontecimentos histórico míticos como o Maio de 68 a filmes de Jean-Luc Godard, das mãos dos operários e militares chineses, em Pequim, às mãos do estudantes de Direito do MRPP, em Lisboa. Visto como um livro libertador, que poria em causa todo o poder – «Bombardeiem o Quartel-General» era o apelo de Mao – o que na sua construção aforística se esconde é o mais exacerbado culto da personalidade. Fanatismo, tortura, repressão da mais ínfima liberdade de pensamento, e um milhão de mortos, é o balanço que a China faz da influência deste livro. Nele vem desaguar toda a história do comunismo chinês, um comunismo que foi, desde o seu começo, furiosamente estatal e impiedosamente repressivo.

O PEQUENO LIVRO VERMELHO é precedido por um estudo de Manuel S. Fonseca VIOLÊNCIA, FOME E REEDUCAÇÃO NA CHINA DE MAO. Edição profusamente ilustrada

[Novidade] - Topseller: "As Lições do Amor" de Lorraine Heath

As Lições do Amor
Lorraine Heath


«Lorraine Heath é conhecida pelos seus romances deslumbrantes e profundos, e este não foge à regra. As Lições do Amor é um livro perfeito, cheio de lágrimas e suspiros, e com uma heroína que surpreende pela força que tem.»
Washington Post


Sobre o livro:
Autora vencedora do Prémio RITA para Melhor Romance Lady Grace Mabry tem tudo o que uma donzela debutante pode desejar: é bonita, inteligente, vem de boas famílias e possui um dote bastante valioso. No entanto, Grace desconfia dos inúmeros pretendentes que a cortejam, pois acredita que muitos estão apenas interessados na sua riqueza.
Para a ajudar a perceber se os interesses dos seus apaixonados são genuínos, Grace procura o seu amigo de infância, o Duque de Lovingdon. Sem qualquer fé no amor desde que perdeu a família, Lovingdon vive uma vida de libertinagem e prazer. Conhecedor dos jogos e estratagemas para conseguir a atenção de uma mulher, Lovingdon só tem de ensinar a inocente Grace a diferenciar as emoções falsas das verdadeiras.
Mas mal as lições começam, Lovingdon depara-se com um jogo demasiado perigoso, que parece não conseguir controlar…

Conseguirá o Duque abrir o seu coração inteiramente ou irá perder aquela que descobriu que ama?


Sobre a autora:
Lorraine Heath é uma autora norte-americana, bestseller do New York Times e do USA Today, que conta com mais de 60 romances publicados.
Quando se licenciou em Psicologia pela Universidade do Texas, Lorraine não fazia ideia de que tinha acabado de ganhar uma base valiosíssima que lhe permitiria criar e descrever personagens consideradas quase «reais».
Por essa razão, os seus livros já foram nomeados e contemplados com inúmeros prémios, entre os quais o Prémio RITA para Melhor Romance e, por duas vezes, o prémio All About Romance (AAR) para a mesma categoria.
Saiba mais sobre a autora em www.lorraineheath.com.

[Novidade] - Guerra & Paz: "O Homem Que Não Tinha Idade" de Fernando Correia

O Homem Que Não Tinha Idade
Fernando Correia

Sinopse:

PODE UM ROMANCE SER UM GRITO DE ALERTA? 

O Homem Que Não Tinha Idade é um grito de revolta e um grito de amor. 
Este é o romance que todos os pais e todos os filhos, todos os avós e todos os netos têm de ler. 
João, o herói deste livro, pode ser velho e pode ser viúvo. Mas João não quer ser abandonado num depósito de tra­pos e sombras. João quer ter direito a uma vida livre, quer ter direito a amar e ser amado, quer fazer coisas e ser útil com as próprias mãos.
Um grande romance de Fernando Correia. O romance em que o autor revela o mais íntimo e pessoal de si mesmo.

Sobre o autor:
Fernando Correia. Jornalista, comentador de rádio e televisão, professor, nasceu em 1935 e dividiu a sua infância entre a Mouraria, o Alto de Santo Amaro e São Domingos de Benfica. 
Entrou para a Emissora Nacional em 1958. Trabalhou depois na RDP, Rádio Clu­be Português, Rádio Comercial e TSF. Foi director do Diário Desportivo e redactor e colaborador dos jornais Record, A Capital, O Diário, Gazeta dos Desportos, Jornal de No­tícias e Diário Popular. 
Actualmente colabora na Rádio Amália e é comentador residente da TVI. 
Sportinguista assumido, colabora com a Sporting TV, depois de ter sido director ad­junto e director do jornal do clube. É casa­do, pai de cinco filhos e avô de dez netos. Nascido num dia quente de Verão, é Caran­guejo de signo. É autor de Piso 3, Quarto 313, editado pela Guerra e Paz.

[Novidade] - Bertrand: "Receitas de Vida para Melissa" de Teresa Driscoll

Receitas de Vida para Melissa
Teresa Driscoll

Receitas de Vida para Melissa é o romance de estreia de Teresa Driscoll. Uma história comovente sobre um drama familiar com intensos elementos de experiências de vida e de perda. Este livro está escrito ao estilo de um diário, com várias receitas baseadas em histórias e segredos da mãe da protagonista, que morreu de cancro da mama.

Compota de Morango é uma das receitas que Eleonor deixa num livro para a filha Melissa, mas aquela não é uma receita de compota qualquer. Representam as memórias de umas férias fantásticas em Porthleven. Bife Bourguignon é outra das receitas, ideal para os dias de aniversários e o prato preferido do pai.

Este é um livro de ficção, mas em que a autora acabou por se inspirar no mais marcante episódio da sua própria vida para escrevê-lo. Teresa Driscoll era adolescente quando perdeu a sua mãe, que morreu vítima de cancro.

«Lindíssimo.»
Literary Week

Sinopse:
Melissa tem oito anos quando a mãe morre. Nunca chegaram a despedir-se.
Treze anos mais tarde, é-lhe entregue um diário que a mãe escreveu para ela. Quando alisa as páginas e começa a ler as últimas palavras da mãe, Melissa é imediatamente transportada para a infância. A emoção que sente é imensa, mas este presente é também um cruel lembrete de que não tornará a ver a mãe.
À medida que percorre as páginas do precioso diário, lê os conselhos que a mãe lhe deixou e prepara os pratos seguindo as suas receitas, mas vai também descobrindo os segredos da mãe. Segredos esses que podem mudar a sua vida para sempre.

Sobre a Autora:
Teresa Driscoll é jornalista e tem trabalhado em jornais, revistas e televisão. Este é o seu romance de estreia. Vive em Devon com o marido e os filhos e escreve regularmente sobre as suas experiências no seu site: www.teresadriscoll.com

[Passatempo] - Especial Dia Mundial do Livro



Como não podia deixar de ser temos um passatempo para vocês para comemorar o Dia Mundial do Livro :)

O Tertúlias, para comemorar o Dia Mundial do Livro, tem para oferecer  dois livros de bolso de James Patterson.



Para terem a hipótese de ganhar este livro basta seguir as regras abaixo. 

Se partilharem o passatempo publicamente será acrescentada uma entrada extra.

ATENÇÃO: o gosto é obrigatório e será confirmado. Para tal a opção de "gostos" na vossa página pessoal do facebook tem que estar "pública" ;)

Podem participar até ás 23h59 de dia 30 de Abril.

Boa Sorte!

Regras:
1) O passatempo decorrerá até às 23h59 do dia 30 de Abril
2) Qualquer participação que não possua algum dos dados correctamente preenchido ou contenha respostas incorrectas é automaticamente anulada.
3) OBRIGATÓRIO ser seguidor público do blogue ou seguidor via facebook   
4OBRIGATÓRIO o "gosto" nas páginas dos colaboradores ou as partilhas, quando estas forem pedidas no passatempo
5) O vencedor será escolhido aleatoriamente, através do Random.
6) O vencedor será publicado no blogue e será contactado por email.
7) É aceite uma participação por pessoa/email e residentes em Portugal (continental e ilhas)
8) Nem eu nem os colaboradores nos responsabilizamos por extravios nos ctt



[Novidade] - Topseller: "Protege-me" de Maya Banks

Protege-me
Maya Banks

Maya Banks é uma das escritoras de romances eróticos mais vendida em Portugal e é, por isso, com imensa satisfação que a Topseller recebe a autora bestseller mundial no seu catálogo. 
Protege-me é o primeiro volume da nova série Slow Burn.

Ele fará tudo para tê-la sempre ao seu lado.
Quando a irmã mais noiva de Caleb Devereaux, herdeiro de uma família poderosa e abastada, é raptada, este recorre a Ramie St. Claire, uma mulher sensível e atraente que tem o poder de se ligar às vítimas e de as localizar, sentindo a sua dor.
Enquanto trabalham juntos, o desejo entre Caleb e Ramie torna-se evidente. E embora Ramie mal consiga resistir à tentação, tem de fugir para se proteger de uma perigosa ameaça do seu passado.
Depois de meses à sua procura, Caleb reencontra Ramie, e entregam-se a um romance arrebatador.
Acolhendo-a em sua casa e protegendo-a, Caleb descobre como fazê-la esquecer a sombra que a persegue, e arrisca tudo para mantê-la a salvo – incluindo o seu coração…

Sobre a autora:
Maya Banks é uma autora norte-americana que conta com mais de cinquenta livros publicados ao longo da sua carreira.
Os seus livros têm sido presença constante nas listas de bestsellers do New York Times e do USA Today, mantendo-se nos tops de vendas durante semanas consecutivas. Protege-me é o primeiro volume de Slow Burn, a nova série da autora.
Mais sobre a autora em www.mayabanks.com.

Elogios:
«Uma leitura intensa e de tirar a respiração que vai deixar os leitores ávidos pelo segundo livro.» 
Publishers Weekly

«Uma excelente leitura que simplesmente não consegui parar… Uma aventura fantástica.» 
Road to Romance

[Novidade] - Albatroz: "Mais jovem, naturalmente" de Roxy Dillon

Mais jovem, naturalmente
Roxy Dillon

Pareça e sinta-se mais jovem

A 21 de Abril, chega às livrarias portuguesas uma verdadeira bíblia de tratamentos naturais anti-idade

A Albatroz publica, a 21 de abril, Mais jovem, naturalmente, uma verdadeira bíblia de tratamentos naturais anti-idade. Este livro, da autoria de Roxy Dillon, oferece um revolucionário programa antienvelhecimento, à base de substâncias naturais e apresenta soluções orgânicas e acessíveis para que o leitor se mantenha jovem, naturalmente.
A obra inclui receitas para criar máscaras e cremes caseiros e ainda tratamentos de rejuvenescimento que devolvem saúde, energia e anos de vida.
O programa que este livro oferece foi testado pelos pacientes da autora, que utiliza alimentos comuns, suplementos naturais e óleos essenciais para tratar não só as rugas, mas também a perda de massa muscular, óssea e ainda o declínio da função hormonal. Os produtos recomendados podem ser adquiridos nas secções de saúde da maioria dos hipermercados.

Sinopse:
Descubra como:
  • Ter uma pele firme e luminosa;
  • Obter um cabelo com mais brilho e textura;
  • Reverter os efeitos da menopausa;
  • Aumentar a energia e apetite sexual;
  • Proteger-se contra o cancro.


Sabia que...
... o alecrim ajuda a tratar cabelo fino e quebradiço?
...o mel é o “creme” perfeito para refirmar o peito e o contorno do rosto?
... e que um simples copo de vinho pode ter mais benefícios do que aqueles que imagina?

Sobre a Autora:
Roxy Dillon exerce terapia nutricional, ortomolecular e fitoterápica desde 1979 e estudou em alguns dos mais prestigiados estabelecimentos de ensino a nível mundial, incluindo o Instituto Neurológico de Burden e o Instituto de Neurologia. É licenciada em Psicologia e fez o Mestrado em Farmacologia Bioquímica, tendo sido referenciada em várias publicações, como a revista Cosmopolitan e a Woman’s Journal
Actualmente vive em Inglaterra.